O objetivo desse blog não é tratar de assuntos e opiniões políticas, mas como cidadão e diante das circunstâncias atuais que está o meu país, me sinto no dever de pelo menos tentar contribuir um pouco também por aqui.

Estamos na reta final de uma das eleições mais emblemáticas e importantes das últimas décadas.

O Brasil, principalmente nos últimos anos, vem se afundando em crise econômica, política e moral, trazendo à muitos brasileiros uma extrema insegurança que vem se agravando ao contemplarmos casos ainda mais críticos de países vizinhos que trilharam o mesmo caminho, como é o caso da Venezuela que se encontra em uma situação deplorável.

A briga pelo cargo presidencial tem se intensificado enquanto a mídia tenta narrar essa história utilizando na maioria das vezes interesses ocultos em vantagens e benefícios políticos, e isso vem gerando grande divisão de opinião no país, o pior, que muitas dessas opiniões moldadas por parte dessa mídia manipuladora.

Não tenho costume de ficar debatendo na internet questões políticas, afinal, acho que cada um deve ter seus motivos e ideais respeitados, obviamente, desde que não interfira nos direitos alheios e coletivos, mas hoje, resolvi quebrar essa regra pessoal pelo seguinte motivo.

Enquanto acompanhava rapidamente minha rede social, encontrei uma simples e curta publicação no Facebook de um amigo fazendo a pergunta que é o título desse post, então, ao percebi que expressando minha opinião posso ajudar à algumas pessoas a abrir um pouco a mente e talvez enxergar as coisas de uma forma um pouco mais ampla e menos individualista.

Além disso, quero deixar documentado meu pensamento neste momento para poder confrontar com o futuro e reavaliar o que estava certo ou errado na minha análise, afinal, o objetivo aqui não é seguir cegamente uma opinião ou ideologia, e sim, racionalmente tentar errar o mínimo possível.

Por que votar em Jair Bolsonaro?

Não sei quanto aos demais eleitores, mas os meus motivos são simples e bem definidos:

  1. Único candidato com real chance de ganhar que não tem envolvimento com corrupção;
  2. Seus ideais e propostas de governo são bem mais próximo dos meus ideais e do que espero para o Brasil do que a dos demais candidatos.
  3. O Brasil entrou em um CAOS político, econômico e moral, e o Bolsonaro é o único candidato que tem combatido de frente esses 3 aspectos mesmo enfrentando grande oposição de um sistema governamental corrupto apoiado por uma mídia interesseira e manipuladora;
  4. Acredito na sua equipe de apoio que irá ocupar os cargos de ponta para ministérios essenciais do governo, ou seja, os que estarão lhe auxiliando nas tomadas de decisões. São pessoas até o momento idôneas e de grande potencial.

Analisando ele isoladamente com base no que a mídia apresenta, com certeza não é o “CANDIDATO PERFEITO”, aliás, sendo ser humano, não existe perfeição… Porém, analisando com uma visão macro e confrontando o cenário atual do Brasil, o que espero para minha família com seu plano de governo, seu histórico como político e cidadão, não resta dúvidas que é o mais indicado para colocar a nação nos eixos.

Ele não foi minha primeira opção, meu candidato inicialmente era outro com um currículo acadêmico e profissional bem mais forte, porém, reavaliando melhor, acabei decidindo pelo Bolsonaro pelo fato do primeiro candidato não ter apresentado um posicionamento sólido para as questões de defesa moral da família e também porque o fato de ainda não ter um histórico político relevante, trás a incerteza se conseguirá “sobreviver” ou manter-se íntegro em um meio promíscuo e sujo como o congresso nacional, e isso, pelo menos até o momento, o Bolsonaro também já provou que é capaz! 

Enfim, pode ser que com o tempo as coisas mude e mostre que eu errei em algumas análises, porém, terei a consciência tranquila que votei com integridade e responsabilidade, sem compactuar com roubos, subornos, corrupção, e procurando defender os interesses coletivos para o crescimento e fortalecimento econômico e moral da nação!

E você, compartilha conosco nos comentários qual é a sua opinião quanto aos candidatos e o que espera para o Brasil.